3 dicas para aproveitar todo o potencial da Black Friday

0

Black Friday chegando e nosso cartão de crédito/conta bancária começa a dar aquela coceira. E ela fica mais forte quando começamos a ver aqueles produtos que ficamos “namorando” o ano inteiro com um preço bem camarada. No entanto, o excesso de empolgação pode virar uma cilada se sairmos comprando em qualquer site, sem pesquisar ou observar certos critérios de segurança.

Mas não se preocupe, porque estamos aqui para te ajudar.

Confira dicas para aproveitar a Black Friday com economia e segurança

Compre apenas o que você realmente precisa

Sim, nós sabemos que aquela blusa que você ficou apaixonada está em um preço bacana, ou aquele jogo de videogame que parece ser bom entrou em uma promoção imperdível. Mas antes de apertar aquele botão para fechar a comprar e inserir o número do seu cartão, faça a seguinte pergunta: você realmente precisa do produto que está de olho? Logo, recomendamos que você evite a compra caso vá se endividar em longos parcelamentos ou verifique se a compra trará custos extras para você e sua família. A Black Friday é melhor aproveitada com a devida moderação.

Pesquise, pesquise, pesquise

Nas primeiras edições da Black Friday havia uma piada recorrente em que se fala que o slogan da data era “Tudo pela metade do dobro”. Basicamente, as lojas online participantes chegavam a dobrar os preços dos produtos na data em questão e depois os vendiam com 50% de “desconto. Ou seja, os incautos compradores simplesmente pagavam o valor normal.

banner primavera-1

Com as inúmeras reclamações e denúncias do Procon, a maioria dos e-commerces cessou a malandragem e passou a oferecer descontos de verdade. No entanto, isso não extingue a necessidade de pesquisar pelos melhores preços, seja antes da Black Friday e, claro, durante a data. Fique sempre de olho nas melhores ofertas e, se possível, compare com os preços anteriores para não cair em nenhuma cilada.

Compre somente em sites seguros

O aumento no volume de compras em sites na Black Friday é proporcional ao número de golpes online, com criminosos criando sites falsos de olho nos dados bancários do usuário, enviando ofertas falsas pelo email, entre outras práticas pouco lisonjeiras. No entanto, é possível evitar essas e outras trapaças ao observamos duas regras simples na hora de gastar nosso suado dinheiro na internet.

A primeira, e mais importante, é verificar os sinais de um site protegido pelo Certificado SSL. No navegador, eles são representados pelo cadeado no navegador, a letra S no final da sigla HTTP e o Selo de Segurança. E como precaução nunca é demais, além de visualizar os símbolos citados, clique ainda no cadeado e no Selo de Segurança para verificar se, de fato, há um Certificado SSL válido e emitido por uma Autoridade Certificadora séria.

A segunda regra que preza pela sua segurança é: quando você receber e-mails com ofertas que podem te interessar, evite clicar na URL que vem anexado ao e-mail. Isso porque pode se tratar de phishing, um golpe em que criminosos virtuais recriam um site (normalmente de e-commerce ou instituições financeiras) para se apossar de seus dados, como RG, CPF e, claro, números de cartões de crédito e senhas bancárias.

Logo, o ideal é que, ao visualizar o e-mail com a oferta, digite o endereço do e-commerce diretamente no seu navegador e faça a busca pela oferta. Simples assim. Seu bolso e sua segurança agradecem!

Dica bônus: e se você já tem um Certificado Digital da Certisign, aproveite as ofertas do Clube de Vantagens Certisign, com ofertas especiais de alguns dos maiores e-commerces do Brasil e que duram o ano inteiro. E, claro, para a Black Friday teremos promoções ainda melhores. Fique de olho e Boas compras!

Você também pode gostar de:

8 Dicas para comprar bem e com segurança na Black Friday

Você sabia? Como surgiu a Black Friday

 Fuja das dívidas de fim de ano


Compartilhe

Deixe seu comentário