A influência da tecnologia no desenvolvimento das crianças

0

Hoje em dia é fácil encontrar crianças que desejam ter smartphones e tablets, mas será que você sabe se é hora de ceder e atender aos pedidos dos seus filhos? O uso exagerado da tecnologia tem gerado debates entre pais e educadores, que aconselham a ter bom senso e controlar a utilização de dispositivos eletrônicos. A Academia Americana de Pediatria e a Sociedade Canadense de Pediatria, por exemplo, recomenda que apenas a partir dos 13 anos as crianças tenham acesso a dispositivos móveis, sendo orientadas a respeito da melhor forma de usar os aparelhos.

Lidar com os avanços no dia a dia

Não deixar o computador disponível todo o tempo é um bom artifício para afastar os pequenos da obsessão por games e afins. É natural que exista um interesse pelos equipamentos eletrônicos, mas os adultos não devem estimulá-lo. Já a necessidade de dar um smartphone para o filho deve ser avaliada. Até os 12 anos, é recomendável apenas emprestar um aparelho, quando for realmente necessário.

Limitar o tempo de uso e ter muito diálogo

Antes de tudo, os pais precisam ficar atentos à segurança dos pequenos ao utilizar a internet. Para diminuir os riscos, você pode limitar o tempo de uso, instalar ferramentas de monitoramento e bloqueio de conteúdo, impedir o cadastro precoce nas redes sociais e, periodicamente, conversar sobre os perigos que podemos encontrar na rede. Verifique sempre quais sites são acessados com frequência pelos seus filhos, observando se são confiáveis e possuem o Certificado SSL. Saiba mais sobre sites seguros com certificado.

banner primavera-1

Seja flexível! A tecnologia também é boa

Lembre-se também que não é necessário ser extremista e que a tecnologia pode ser uma boa aliada como ferramenta pedagógica. Instale aplicativos e jogos educativos e mostre que é possível fazer pesquisas, desenvolver habilidades matemáticas, visitar museus virtualmente e até mesmo aprender outros idiomas. Algumas marcas já adaptaram seus produtos para conquistar a nova geração. Jogos marcantes na infância dos pais já podem ser encontrados em versões online ou com recursos que incluem até mesmo a realidade aumentada. Aplicativos como ABC do Bita, Pou e Youtube Kids são ótimas indicações.

Brinque e interaja com seu filho na vida real

Ainda que atualmente seja quase impossível ter uma infância livre da tecnologia, é importante que as crianças entendam que podem (e devem) se divertir no mundo real, brincando com os amigos, praticando esportes e participando de atividades familiares. O tempo offline será fundamental para que o seu filho se desenvolva corretamente e estreite relações pessoais que serão importantes para uma vida realmente saudável.

Mas se você que é um pai, mãe, ou tio que pelo menos já tenha feito uso do Certificado Digital Certisign, pode usufruir dos benefícios do Clube de Vantagens que conta com vários parceiros e podem te ajudar a economizar na escolha de um presente que combina com o seu bolso.

Por isso, pondere entre o melhor dos dois mundos junto ao seu pequeno. Crie atividades em parques, conversem, brinquem e aproveitem um ao outro. O companheirismo e o diálogo são a melhor receita.

Aproveite os benefícios e descontos de até 50% exclusivos do Clube de Vantagens Certisign, basta ter um Certificado Digital Certisign válido. Adquira o seu!

Compartilhe

Deixe seu comentário