Centro de Memória do CRCSP reúne fatos curiosos da Contabilidade

0

Você sabia que a humanidade utilizou a escrita contábil pela primeira vez em 4.000 A.C.? Para registrar os créditos e débitos, o homem utilizava duas peças de madeira, chamadas talhas, nas quais mencionava os direitos e as obrigações de cada um.

Outro fato curioso é que a Contabilidade chegou ao Brasil com a Corte Portuguesa, em 1808, quando foi criado o Erário Régio, que determina as regras de pagamento dos tributos e das contas referentes às terras brasileiras.

No entanto, foi somente em 1895, quase 90 anos depois, que o ato de registrar as informações contábeis começou a ser reconhecido no Estado de São Paulo. Na época, foi criado o Grêmio dos Guarda Livros, com o intuito de valorizar a profissão.

De lá para cá, a Contabilidade muito se aperfeiçoou, sendo que parte das ferramentas e dos recursos utilizados ao longo dessa trajetória pode ser visto no Centro de Memória da Contabilidade Paulista ‘Professor Joaquim Monteiro de Carvalho’.

O espaço foi criado em 2001 e reinaugurado em 13 de dezembro de 2011, na gestão do contador Domingos Orestes Chiomento (2010 a 2011), em versão eletrônica, utilizando modernos recursos tecnológicos para informar e entreter visitantes de todas as idades.

Proporcionando uma verdadeira viagem no tempo, o Centro reúne centenas de fatos curiosos, imagens, vídeos e telas interativas, nas quais o visitante pode acompanhar a evolução da profissão contábil, desde o registro feito à mão no livro-caixa às modernas tecnologias disponíveis atualmente. Nos corredores da exposição, painéis registram legislações, acontecimentos e personalidades que marcaram a história da Contabilidade no Brasil e no mundo.

Serviço:

Centro de Memória da Contabilidade Paulista ‘Professor Joaquim Monteiro de Carvalho (CRCSP)

Endereço: Rua Rosa e Silva, nº 60, próximo à estação de metrô Marechal Deodoro
Telefone: (11) 3824-5400 – as visitas devem ser agendadas
Relacionadas:
3 processos que só um Contador pode fazer por sua empresa
Clube do Contador Certisign, uma página para compartilhar seu valor

Compartilhe

Deixe seu comentário