Curiosidade: você sabe o que é phishing?

0

22 Certisign Certificadora Digital

Uma das formas mais comuns de golpes virtuais é o phishing (também chamado de carding ou brand spoofing), que em português significa pescaria.

O golpe consiste na distribuição de e-mails com a “cara” das grandes marcas, solicitando dados ou direcionando para sites falsos, também mascarados de reais. Geralmente, para “fisgar” o consumidor o conteúdo apresenta benefícios incríveis, como grandes descontos. O objetivo? Pescar os dados do internauta para obter acesso às informações pessoais.

Veja algumas dicas para não cair nesse tipo de golpe

Desconfie de e-mails
Se a promoção anunciada for algo incrível e fora do normal, desconfie. Entre no site (verdadeiro) da respectiva loja e veja se há algum anúncio semelhante.

Confirme se o site é real
Confira a URL e veja se o site em questão possui mais de um endereço por meio de algum site de busca.

O site é real? Agora, veja se ele está seguro!

1) Verifique se a página possui o Selo de Segurança (geralmente localizado no rodapé do site), clique nele e veja se o Certificado Digital foi emitido para o mesmo endereço da página que você está. O Selo garante que o site é confiável para inserir suas informações e realizar transações online.

2) Verifique se existe um cadeado fechado na barra do navegador.

3) Observe se existe a letra “S” no endereço do site, ou seja, HTTPS.

Esses são os sinais dos sites protegidos pelo Certificado Digital SSL, que criptografa as informações em tráfego e atesta a legitimidade da empresa que oferece o serviço.

Relacionadas
Compras na web: fique de olho na segurança dos sites
Pesquisa revela que 70% das pessoas estão preocupadas com o Cibercrime

Compartilhe

Deixe seu comentário