Dia das Crianças: compre na web com segurança

0

Uma das datas que mais movimenta o comércio brasileiro é o Dia das Crianças, principalmente na web. De acordo com a E-bit, empresa especializada em informações do setor de e-commerce, as vendas no período que antecedeu o Dia das Crianças, em 2013, aumentaram 29% em comparação ao ano anterior, faturando mais de R$ 1,1 bi.

Um dos principais motivos para este aumento é a comodidade que a compra sem sair de casa proporciona. Na web não há trânsito, filas para pagamento, taxas de estacionamento e tumulto. Com apenas alguns cliques, o consumidor compra o item desejado.

No entanto, para que a facilidade da compra na web não se transforme em dor de cabeça, o consumidor precisa estar atento à segurança que as lojas virtuais oferecem antes de inserir dados pessoais e o número do Cartão de Crédito.

É simples:

->  Verifique se a página possui Selo de Segurança. Este é o único Selo que atesta que o site é confiável para transações e inserções de dados;

->  Se sim, clique sobre o Selo de Segurança, que geralmente fica fixado no rodapé da página do site e verifique se o Certificado Digital foi emitido para o mesmo endereço web da página que você está;

->  Verifique se existe um cadeado fechado na barra do navegador;

->  Observe se existe a letra “S” no endereço do site, ou seja, HTTPS.

“Estes são os sinais dos sites protegidos pelo Certificado Digital SSL, que criptografa as informações em tráfego e atesta a legitimidade da empresa que oferece o serviço. Garantias necessárias e fundamentais para finalização de compras e inserção de dados pessoais na internet. Quem quer usufruir da comodidade da compra on-line sem correr riscos, precisa sempre conferir estes sinais”, comenta Maurício Balassiano, Diretor de Tecnologia da Certisign.

Sobre os Selos de Segurança, o especialista completa: “É preciso ter atenção. É importante clicar e verificar se por trás daquela imagem existe, de fato, um Certificado Digital válido emitido por uma Autoridade Certificadora reconhecida e confiável”.

Compartilhe

Deixe seu comentário