GO: confira os locais de implantação do PJe em novembro

0

Neste mês, sete cidades de Goiás passam a contar com o Processo Judicial Eletrônico (PJe). Desde o dia 3, os municípios de Águas Lindas e Serranópolis já operam com o sistema.

Já os Juizados Especiais Cíveis de Anápolis terão acesso ao PJe a partir do dia 10, as cidades de Maurilândia e Montividiu em 17 de novembro e, por fim, no dia 24, o PJe entra em operação em Flores de Goiás e Cachoeira Dourada.

Os advogados que ainda não têm o Certificado Digital podem solicitar o documento eletrônico no site www.acoab.com.br/compre.

O Certificado Digital na rotina dos advogados

O PJe, na prática e em resumo, significa que o advogado não precisa mais ir até o Fórum para assinar petições ou consultar autos, como exemplos. Por meio do computador, com conexão à internet e utilizando um Certificado Digital ICP-Brasil, ele consegue assinar e tramitar, sem a necessidade de locomoção, impressão de documentos e autenticação adicionais.

Veja outros benefícios:
• Permite a consulta aos autos e tramitação 24h por dia, sendo o horário não condicionado ao funcionamento dos Fóruns.
• Colabora para a organização, facilitando a transferência e localização de documentos. E ainda diminui o risco de extravios de processos.
• Extingue a necessidade deslocamentos para assinaturas presenciais e autenticações adicionais, o que reduz custos e tempo.
• O procedimento para peticionar de forma eletrônica é de 50% a 60% mais rápido do que o processo em papel*.
• Reduz custos relacionados à compra, impressão, manuseio e armazenamento de papel e ao mesmo tempo contribui para a preservação do meio ambiente.

*Dados extraídos da reportagem “A era digital chega aos tribunais”, da revista Veja São Paulo – 7 de agosto, 2013.

Fonte: JusBrasil com informações Certisign

Relacionadas:

Certificado para advogados: PJe é implementado no Maranhão

Advogados: peticionamento eletrônico é obrigatório no TJDF

 

 

Compartilhe

Deixe seu comentário