Inconsistências ou pendências na declaração podem atrapalhar restituição do IR

0

Já abordamos aqui no blog sobre o prazo de entrega do IRPF (Imposto de Renda da Pessoa Física) nesse ano, que começou em 1º de março e segue até 30 de abril. Mas vale lembrar que, além de respeitar a data, também é preciso atenção no preenchimento da declaração para evitar problemas futuros.

A Receita Federal já divulgou o calendário de restituição. A liberação ocorrerá entre os meses de junho e dezembro. Com isso, o contribuinte que preencher e enviar o formulário eletrônico antes tem mais chances de ser contemplado logo nos primeiros lotes, desde que não sejam constadas inconsistências ou pendências na declaração.

Os contribuintes também devem verificar no portal do e-CAC se existem eventuais pendências após o processamento das declarações, pois sua regularização pode evitar muita dor de cabeça.

Fonte: Agência Brasil

Compartilhe

Deixe seu comentário