IR: declaração com Certificado Digital só traz vantagens ao contribuinte

1

Desde 2012, o uso do Certificado Digital é necessário para o envio do Imposto de Renda dos contribuintes brasileiros com renda superior a R$ 10 milhões. O que muitas pessoas ainda não sabem é que a utilização do documento eletrônico beneficia também quem não faz parte desta obrigatoriedade.

Uma das novidades este ano na entrega do Imposto de Renda Pessoa Física é o pré-preenchimento automático da declaração para quem possui o Certificado Digital. “O pré-preenchimento da declaração do Imposto de Renda, além de facilitar a vida do contribuinte, já que ele precisará apenas alterar, se necessário, os seus dados de despesas e deduções, também diminui o risco de cair na malha fina por conta de erros na hora da digitação dos dados”, explica Julio Cosentino, vice-presidente da Certisign.

Além do pré-preenchimento, com o Certificado Digital, a sua declaração é processada mais rapidamente e é possível acessar no e-CAC (Centro Virtual de Atendimento da Receita Federal) informações sobre as fontes pagadoras ou a declaração do ano anterior, além de regularizar no mesmo dia a situação com o fisco, retificar pagamentos, imprimir comprovantes e ter a declaração preenchida automaticamente pelo sistema.

A declaração do Imposto de Renda desse ano também apresenta outras novidades na área de tecnologia, confira nessa matéria.

_______

Se você não tem Certificado Digital ainda dá tempo de adquiri-lo para o IR2014. E o melhor: com desconto. Até o dia 30 de abril, você pode comprar o e-CPF com descontos de até 30%. Além disto, na Certisign você ganha um ano de licença do antivírus Norton Internet Security. Acesse www.certisign.com.br/ir.

Compartilhe

1 Comentário

  1. Pingback: IR: Certificado Digital tem vantagem na restituição | Certisign Explica

Deixe seu comentário