Novo Código de ética do Contador: será o fim da Contabilidade online?

0

Os profissionais da Contabilidade de todo o Brasil têm até o dia 24 de fevereiro de 2018 para compreender e avaliar o conteúdo que invalida a Resolução do Conselho Federal de Contabilidade – CFC nº 803/1996, que trata do novo Código de Ética Profissional do Contador – CEPC.

A minuta da norma em audiência pública tem por propósito fixar a conduta do Contador no exercício de sua atividade, em assuntos relacionados à profissão e à classe.

O novo Código, que está de acordo com os padrões internacionais de ética da profissão, se aplica tanto aos bacharéis em Contabilidade quanto aos técnicos. Uma das principais mudanças, na opinião do conselheiro do CFC na gestão 2016-2017 Paulo Schnorr, diz respeito ao Manual de Fiscalização do Sistema CFC/CRCs, que “dá uma visão a respeito das possíveis infrações cometidas pelos profissionais, com enquadramentos que visam coibir a atuação indevida, como o assédio à clientela e a apresentação de propostas em desacordo com o Código de Defesa do Consumidor – CDC”.

Por sua vez, o vice-presidente do órgão também na gestão 2016-2017, Luiz Fernando Nóbrega, comenta que o novo Código tornará a profissão contábil mais igualitária, coibindo a concorrência desleal: “Temos conhecimento de determinadas empresas que se valem de estratégias de marketing agressivas e até ilusórias para conseguir clientes”, afirma ele, acrescentando que, no novo Código de Ética, estão previstas situações para coibir abusos, como ludibriar terceiros com propostas de preços irrisórios de serviços, por exemplo. “O Código atualmente vigente já traz instruções para formulação de preços, mas temos que levar em consideração também o vulto, a complexidade, a localização do cliente e uma série de outros aspectos”.

Contabilidade Online

Na prática, está ocorrendo uma guerra comercial desigual na profissão contábil – como a Contabilidade online, por exemplo, que vem tirando o sono dos Contadores “tradicionais”. E não é para menos: por meio da Contabilidade via web, é possível contratar serviços contábeis a um preço super acessível, a partir de R$ 40 ao mês.

Na Contabilidade online, o atendimento é ilimitado, pode ser realizado por e-mail, chat ou telefone, e todos os serviços podem ser feito via internet, inclusive pagamento e despacho de guias de impostos e contribuições, emissão de notas fiscais, transmissão de declarações, cálculo de pró-labore, lançamento da folha de pagamento, entre outros.

Na prática, a Contabilidade online faz tudo que uma Contabilidade tradicional faz, permitindo que o cliente acompanhe todas as atividades pela internet, inclusive suas próprias tarefas no que diz respeito às obrigações contábeis e fiscais do negócio. Os benefícios são: praticidade e economia de dinheiro e tempo.

Diante da audiência pública do novo CEPC, a pergunta que não quer calar é: “será o fim da Contabilidade online?”. Dê sua opinião, reflita, participe com sugestões e comentários que devem ser remetidos ao CFC pelo e-mail ap.nbc@cfc.org.br, fazendo referência à minuta.

Você também pode gostar: Lei que converge Contabilidade aos padrões internacionais completa três anos


Compartilhe

Deixe seu comentário