União Europeia incentiva adoção de Certificado Digital no Mercosul

0

O coordenador do projeto Mercosul Digital e diretor da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico, Gerson Rolim, destaca que o Brasil está à frente dos países da América Latina por oferecer serviços públicos que fazem uso do Certificado Digital ICP-Brasil.

“É uma forma compulsória, mas em grande parte eficaz para acelerar a adoção da Certificação Digital”, afirma. A Argentina começou a implantar em órgãos públicos e empresas privadas, o Paraguai começa a emitir certificados a partir do final do ano e no Uruguai a iniciativa ainda é incipiente.

O projeto no Mercosul foi incentivado pela União Europeia e desde 2009 teve investimentos de 9,7 milhões — 7 milhões de origem europeia e 2,7 por parte dos países que fazem parte do bloco, do qual o Brasil é o maior contribuinte por meio do Ministério da Ciência e Tecnologia.

Para Rolim, o avanço na Certificação Digital vai além do comércio eletrônico e da economia digital entre os países do bloco. “Com a troca de documentos com validade jurídica e previdenciária, será possível que uma pessoa que trabalhe no Brasil e na Argentina possa pedir aposentadoria em qualquer um desses países.” O comércio eletrônico também se torna mais fácil, pois documentos, contratos, cheques, recibos e boletos certificados digitalmente passam a ter validade jurídica dando mais segurança na concretização da compra, completa o executivo.

Fonte: Brasil Econômico

Compartilhe

Deixe seu comentário